Lançamento | Endless OS 3.6.1


#1

O Endless OS 3.6.1 foi lançado na terça-feira 9 de julho de 2019. Imagens para novos usuários já estarão disponíveis.

Se você estiver executando uma versão Beta do Endless OS e quiser voltar para versões estáveis, siga estas instruções aqui.

Processo de inicialização mais suave em novas instalações

Em novas instalações, os bootloaders foram atualizados para reduzir a oscilação.

Suporte para o Comando “Toolbox”

Com base no suporte ao contêiner incluído na versão 3.6.0, o Endless OS agora inclui a Toolbox uma ferramenta que oferece um ambiente baseado em RPM, que pode ser usada para gerenciar contêineres para desenvolvimento e depuração. Também foi incluído o comando “docker” como um alias para o “podman”, permitindo mais compatibilidade com ferramentas e scripts existentes que irão usar o Docker para funcionar no Endless OS.

Aplicativos atualizados Configurações e Calculadora

Esses aplicativos internos foram atualizados para as versões do GNOME 3.32. Entre outras melhorias, agora você pode gerenciar dispositivos Thunderbolt (se o seu computador tiver hardware Thunderbolt), agora tem um novo painel com novos recursos como remover ou dar permissões para os aplicativos instalados em seu sistema e mais opções para o recurso Luz noturna.

Suporte de hardware atualizado

Vários problemas específicos de hardware foram resolvidos.

  • Correções para o áudio HDMI após a suspensão e retomada: No Asus X512DK e no ASUS E406MA (e possivelmente em outros sistemas), o áudio HDMI algumas vezes parou de funcionar após a suspensão e a retomada do computador. Esses casos foram resolvidos.

  • O movimento do touchpad agora é suave e preciso no touchpad do ELAN 1200: Anteriormente, o cursor pulava aparentemente ao acaso quando você o movia.

  • As conexões WiFi Realtek 8821CE são restauradas após a suspensão do sistema: Um problema introduzido na versão anterior estava fazendo com que isso não funcionasse corretamente.

Outras melhorias e mudanças

  • O texto realçado na caixa de pesquisa da área de trabalho é legível: Na versão 3.6.0, ao inserir texto na caixa de pesquisa da área de trabalho, o realce faria com que fosse exibido em uma fonte branca sobre branco nãoergonômica.

  • Favoritos não repetidos na Central de Conteúdo: Anteriormente, a guia Favoritos na página Central de Conteúdo no navegador mostrava seus favoritos várias vezes, se você os selecionasse repetidamente. Isso foi corrigido.

  • O Scratch e o BillardGL migrado para o Flathub: Esses aplicativos foram publicados originalmente por meio do próprio repositório de aplicativos do Endless, mas agora eles são mantidos no Flathub. No caso do Scratch, a versão do Flathub é muito mais nova e traz muitas melhorias. Se você tiver a versão do repositório do Endless instalada, ela será atualizada para a versão do Flathub.

  • Arquivos desnecessários removidos da imagem do sistema: alguns arquivos não utilizados foram removidos da imagem do sistema, economizando cerca de 150 MB de espaço em disco.

  • As visualizações de arquivos agora são abertas de forma confiável: No gerenciador de arquivos em processadores x86_64, você pode pressionar Espaço para abrir uma visualização rápida do documento atualmente selecionado. Na versão 3.6.0, isso às vezes falharia em abrir; isso agora foi corrigido.

  • Clicar com o botão direito do mouse na área de trabalho e selecionar Adicionar aplicativo abre a Central de Aplicativos: isso foi interrompido na versão 3.6.0.

  • Chromium foi atualizado para a versão 75.0.3770.100.

  • Instalação (un) de inicialização dupla mais confiável: O Instalador do Endless OS para Windows não solicita mais acesso de gravação ao disco bruto durante a instalação em sistemas UEFI. Esperamos que isso corrija um problema em que alguns usuários não pudessem instalar o Endless OS.

Problemas conhecidos

  • O Firefox não pode ser instalado: Se você tentar instalar o Firefox apartir da Central de Aplicativos, ocorrerá um erro, “Objeto de arquivo corrompido”. Estamos trabalhando para resolver esse problema e atualizar a versão do Firefox disponível na Central de Aplicativos. Enquanto isso, você pode contornar esse problema abrindo o aplicativo do Terminal e executando esse comando:

pkexec flatpak install eos-apps org.mozilla.Firefox


closed #2

This topic was automatically closed 28 days after the last reply. New replies are no longer allowed.